Partilhar

Economizador de água

A produção de água quente sanitária (AQS) é o segundo maior fator de consumo de energia em casa, representando 24% do consumo energético total.

Como reduzir o seu consumo associado à produção de AQS?

Ao instalar um economizador de água, irá reduzir o consumo de água, bem como a quantidade de energia necessária ao seu aquecimento.

Os redutores de caudal são peças complementares às torneiras e chuveiros que substituem o tradicional filtro de rede e permitem reduzir o fluxo de água em mais de 50%, reduzindo assim o consumo.

O princípio do seu funcionamento é a emulsão, ou seja, a inserção de ar na água, a qual origina milhões de microbolhas. Desta forma, o fluxo de água será reduzido para metade sem perda de volume. Como resultado, terá a sensação de utilizar a mesma quantidade de água, mantendo a pressão.

Sem economizador

O caudal de uma torneira convencional é de 8L/min. Uma utilização de água quente durante 15min. corresponde a um consumo anual de 70€.

Com economizador

O caudal de uma torneira com economizador é de 2L/min. Uma utilização de água quente semelhante corresponde a um consumo anual de 20€.

Poupança

Ao instalar economizadores de água poderá obter reduções anuais nos consumos energéticos na ordem dos 50€.

Outras dicas
  1. Evitar a utilização de água quente em lavagens rápidas, como a lavagem de mãos ou dentes, de forma a evitar consumos desnecessários de energia e água, pois no momento em que a água quente chegar à torneira já terminou a lavagem mas, no entanto, o sistema de aquecimento entrou em funcionamento, existindo um desperdício de energia;
  2. Fechar a torneira da água enquanto lava os dentes, as mãos, faz a barba ou trata da loiça;
  3. Troque os banhos de imersão por duches – um duche pode consumir cerca de quatro vezes menos água do que um banho de imersão;
  4. Instalar reguladores de temperatura com termostato, principalmente no duche, pois estes permitem poupar entre 4% a 6% de energia;
  5. Definir uma temperatura de funcionamento entre os 30ºC e os 35ºC é suficiente para transmitir uma sensação de conforto na higiene pessoal.
Etiqueta Energética

Desde setembro de 2015 que todas as novas instalações de preparação de água quente devem apresentar a etiqueta energética.

A etiqueta energética aplica-se não só a produtos, mas também aos sistemas, ou seja, soluções de aquecimento constituídas por aquecedores convencionais, controladores de temperatura e/ou sistemas solares térmicos.

Como ler a etiqueta energética:

  1. Nome do fornecedor ou marca comercial e modelo
  2. Modelo do fornecedor
  3. Função de aquecimento de água com indicação do perfil de carga
  4. Classe de eficiência energética do sistema de aquecimento de água
  5. Classe de eficiência sazonal do aquecedor tradicional
  6. Indicação de que o sistema inclui um dispositivo solar
  7. Indicação de que o sistema inclui um reservatório de água quente
  8. Indicação de que o sistema inclui um controlador de temperatura
  9. Indicação de que o sistema inclui um aquecedor complementar