Partilhar

Televisor

Os televisores, à semelhança do que sucede com os frigoríficos, têm uma potência baixa, no entanto o seu período de utilização é elevado, tornando-os responsáveis por um consumo de energia considerável, representado cerca de 9% do consumo de eletricidade na sua casa.

 

Como reduzir o consumo associado à utilização do seu televisor?

A tendência atual para que estes euipamentos tenham um ecrã cada vez maior, implicando uma maior potência e, consequentemente, um maior consumo de energia. Deverá, por isso, reforçar a preocupação de, no momento da aquisição, escolher o equipamento com melhor classe energética.

Televisor CRT

Um televisor CRT de 29``, utilizado durante 4h diárias, representa um custo anual de 26€.

Televisor LED

Um televisor LED de dimensão semelhante (32``) e com o mesmo tipo de utilização, representa um custo anual de 9€.

Poupança

Ao substituir o seu televisor antigo por um televisor LED poderá ter uma poupança anual de 17€.

Outras dicas
  1. Os novos televisores dispõem de modo ECO, que permite ajustar automaticamente a imagem do ecrã em função da luz ambiente, reduzindo o consumo de energia.
  2. Uma televisão em modo de espera (standby), pode representar até 15% do consumo anual em condições normais. Por isso, em ausências prolongadas, ou quando não está a ver televisão, convém desligá-la diretamente no aparelho.
  3. Ligue a televisão e todos os equipamentos audiovisuais (sistema de som, DVD, descodificador digital, etc.) a uma ficha múltipla com botão de ligar e desligar. Assim poderá cortar a alimentação a todos os aparelhos e evitar consumos de standby.
Etiqueta Energética

Os modelos de televisor mais recentes, de tecnologia LCD (Liquid Crystal Display – ecrã de cristais líquidos), LED (Light-Emitting Diode – díodo emissor de luz) e plasma convencionais, além de serem mais eficientes que os CRT (Cathode Ray Tube – tubos de raios catódicos) estão também restringidos a uma potência no modo de espera até 1 W.

Como ler a etiqueta energética:

Etiqueta TV
  1. Nome do fornecedor ou marca comercial e modelo.
  2. Modelo do fornecedor
  3. Classe de eficiência energética.
  4. Consumo de energia ponderado em kWh/ano.
  5. Modo standby com consumo <0.01W.
  6. Consumo, em termos de potência do toelevisor.
  7. Dimensão visível do ecrã na diagonal (cm e polegadas).